Notícias
12/05/2008 – 16h06

Presidente da OAB/Niterói recebe titulo de Personalidade Cidadania 2008

Presidente da OAB/Niterói recebe titulo de Personalidade Cidadania 2008

 

Do site da OAB/Niterói

12/05/2008 - O presidente da OAB/Niterói, Antonio José Barbosa da Silva, recebeu, nesta quinta-feira, dia 8 de maio, o título de "Personalidade Cidadania 2008", uma promoção realizada pela Unesco, Associação Brasileira de Imprensa (ABI) e jornal "Folha Dirigida", que ofereceu o título a dez personalidades e três instituições que contribuem decisivamente para o fortalecimento da cidadania e do desenvolvimento social do País.

A cerimônia aconteceu no auditório do Jóquei Clube, no Centro do Rio, e além dos agraciados, contou com a presença de políticos, advogados, juristas, jornalistas e importantes figuras da sociedade fluminense.O desenvolvimento sustentável e a preocupação com o meio ambiente, bem como a busca pelas conquistas sociais foi tema de quase todos os discursos, incluindo o do secretário estadual do Ambiente e membro-fundador do Partido Verde, Carlos Minc; o presidente do Conselho Curador da Fundação Brasileira para o Desenvolvimento Sustentável (FBDS), Israel Kalbin; e Ricardo Young, empresário e presidente do Instituto Ethos, organização não-governamental que tem como missão mobilizar, sensibilizar e ajudar empresas a terem atitudes de forma socialmente responsável.

Honrado com o título, o governador Sérgio Cabral Filho recebeu o prêmio das mãos de sua mãe, a museóloga e professora Magaly Cabral. Já Antonio José Barbosa da Silva, presidente da OAB Niterói, escolheu sua esposa, a juíza Maria Bernadete da Silva, como madrinha. O presidente da OAB-RJ, Wadih Damous, além de amigos, advogados e conselheiros da entidade, também fizeram questão de comparecer ao evento para prestigiar Antonio José.

"Agradeço, do fundo do coração, a premiação, que me deixa assustado por me colocar no mesmo patamar dessas figuras de projeção nacional e relevantes serviços prestados à cidadania", falou o presidente da OAB Niterói ao agradecer o prêmio. (Leia, abaixo, o discurso de Antonio José Barbosa da Silva na íntegra).

"Atualmente, cada um tem pensado muito mais em si do que nos outros. As pessoas estão menos abertas ao convívio com as outras. E isso faz com que nossos cidadãos vivam isolados, e que a pobreza, a violência e a ignorância aumentem", disse Antonio José durante a solenidade.

Ainda segundo ele, a solidariedade deve ser item obrigatório nas ações da sociedade, atualmente.

"As pessoas precisam dar um pouco mais de si para ajudar aquelas que estão necessitadas. Estas pessoas precisam da ajuda de todos, e a nossa sociedade precisa ser um pouco menos egoísta, mais solidária, e se voltar de uma forma mais enfática para o lado social", explica o jurista, conhecido pelo trabalho voltado para o social.

"Minha vida sempre foi lutar pela cidadania e pelos direitos dos cidadãos. Seja na advocacia, assistindo pessoas menos favorecidas economicamente, seja nas entidades de classe que presidi", finaliza.

Escolhidos por um colégio constituído por 4.327 pessoas representativas de diversos segmentos da sociedade, os eleitos foram: o governador Sérgio Cabral Filho; o ministro do STF, Joaquim Barbosa; o presidente da 16ª subseção da OAB-RJ, Antonio José Barbosa da Silva; o arquiteto Oscar Niemeyer; o cardeal emérito do Rio de Janeiro, Dom Eugênio Sales; o secretário da Valorização da Vida e Prevenção da Violência de Nova Iguaçu, professor Luiz Eduardo Soares; o secretário do Ambiente do Estado, Carlos Minc; o empresário Israel Klabin; o presidente do Instituto Ethos, Ricardo Young; e a médica Rosa Célia Barbosa, diretora do Pró-Criança Cardíaca.

As três instituições agraciadas foram a Fundação Cesgranrio, Petrobras e Riovoluntário. Dos eleitos, Oscar Niemeyer, Dom Eugenio Sales, o presidente da Petrobras, Sérgio Gabrielli de Azevedo, e a presidente da Riovoluntário, Lúcia Moreira Salles, não compareceram à cerimônia, mas enviaram seus representantes: Paulo Sérgio, bisneto de Niemeyer, recebeu o prêmio em nome do arquiteto; o bispo auxiliar do Rio de Janeiro Dom Edney Gouvêa Mattos, pelo cardeal emérito; Luiz Fernando Nery, gerente de responsabilidade social da Petrobras, pelo presidente da empresa; e a diretora Eloísa Coelho pela presidente da Riovoluntário.

Pedro Lessa, coordenador da Unesco no Rio de Janeiro, elogiou os nomes escolhidos, afirmando que "representam o espírito do título". Já o diretor-presidente da "Folha Dirigida", Adolfo Martins, disse que a homenagem "é uma forma de reconhecer publicamente o mérito de pessoas e instituições". O diretor de Cultura e Lazer da Associação Brasileira de Imprensa (ABI), instituição que acaba de completar 100 anos, Jesus Chediak, lembrou os tempos de censura na imprensa e celebrou a liberdade conquistada com a democracia, ressaltando a importância da cultura em uma sociedade que deve lutar pela cidadania.

 

Discurso de agradecimento

"Agradeço, do fundo do coração, aos integrantes do Colégio Eleitoral. a premiação, que me deixa assustado por me colocar no mesmo patamar dessas figuras de projeção nacional e com relevantes serviços prestados à cidadania.

Nunca poderia imaginar que o trabalho que sempre fiz em favor dos direitos sociais estivesse sendo observado, analisado e julgado Na advocacia, no jornalismo e à frente da OAB de Niterói, sempre luto por esses diretos.

Essa premiação deve servir de exemplo para que outras pessoas ou entidade engajem nessa luta pela cidadania, trocando o individual pelo coletivo.

Quero felicitar aos organizadores desse importante evento: Unesco um sinônimo de cidadania mundial; ABI, 100 anos de luta pela liberdade de expressão e pela liberdade democrática; "Folha Dirigida", importante órgão de imprensa de circulação nacional, tão bem dirigido por Adolfo Martins, voltado para educação e lutando pela dignidade da Educação do País, hoje relegada a plano secundário.

Finalmente, quero dividir esse prêmio com os advogados, jornalista, minha família e Deus, essa figura ímpar que me protege e ilumina meu caminho."
OAB/RJ - Av. Marechal Câmara, 150 - Rio de Janeiro - RJ - CEP: 20020-080 - Fones: (21) 2730-6525 / (21) 2272-6150
atendimento@oabrj.org.br - 2012 - OAB/RJ online - Todos os direitos reservados.
Fechar(x)