Conselho Federal apóia advocacia pública e cobra de Lula respeito a acordos

 

 

Do site do Conselho Federal

 

17/01/2008 - O presidente nacional da Ordem dos Advogados do Brasil, Cezar Britto, em nota emitida hoje (17), manifestou total apoio da entidade à luta da advocacia pública federal pela adequação de seus vencimentos, nos termos de acordos firmados recentemente com o governo federal. Na nota, Britto cobrou do presidente Luiz Inácio Lula da Silva "a urgente atenção para que seja reconhecida a necessidade de cumprimento imediato dos acordos firmados e, desta forma, restaurada a credibilidade das negociações havidas".

 

A seguir, a nota do presidente nacional da OAB em apoio à advocacia pública:

 

"Cumprir acordo assumido é o pressuposto ético de todo e qualquer governo. Cumprir os acordos celebrados com a advocacia pública é o que se espera daqueles que subscreveram tais entendimentos. A OAB, ao tempo em que manifesta seu apoio e reconhece a legitimidade dos procedimentos adotados pelos advogados públicos federais, solicita a urgente atenção do Presidente da República para que seja reconhecida a necessidade de cumprimento imediato dos acordos firmados e, desta forma, restaurada a credibilidade das negociações havidas".