O desembargador do Tribunal Regional do Trabalho (TRT-1) Leonardo Borges foi o palestrante do evento que a Escola Superior de Advocacia (ESA) promoveu na última sexta-feira, dia 29, em sua sede.

Em sua exposição, Borges fez uma análise inicial sobre a Medida Provisória n° 905/19, editada pela presidência da República em novembro e que promove uma série de mudanças na Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), como a inclusão da possibilidade de trabalho aos domingos e feriados, inclusive para professores, e a retirada da obrigatoriedade de registro profissional para exercício de diversas profissões.

Participaram da mesa o diretor-geral da ESA, Sergio Coelho e o diretor-geral adjunto da escola, Fernando Cabral Filho.