Uma homenagem ao ex-vice-presidente da OABRJ e membro do Conselho Consultivo Sergio Eduardo Fisher, que faleceu em janeiro, aos 74 anos, marcou o encerramento da primeira reunião do Conselho Pleno da OAB Nacional, que foi realizada na sede da Seccional durante toda esta segunda-feira, dia 10.

O tributo contou com um discurso emocionado do conselheiro federal pelo Rio de Janeiro Carlos Roberto Siqueira Castro, que falou sobre a biografia de Fisher e sua trajetória de sucesso na advocacia e na Ordem: “No plano institucional, ele não foi apenas um dedicado a OAB. Foi sim um apaixonado pela Ordem. Pessoalmente, devo a Sergio Fisher atenções e provas de amizade inestimáveis. Perdi o meu grande companheiro de bancada. Sua palavra resplandecia serenidade, honradez, justiça e firmeza”, declarou, emocionado.

O presidente do Conselho Federal, Felipe Santa Cruz, afirmou a importância de nomes como o de Fisher para a jovem advocacia: "Sergio tinha muito esse sentimento que acho que nós todos temos que ter de acolhimento com os jovens que chegam à Ordem dos Advogados. Ele tinha um sentimento de generosidade que era como se ele tivesse que nos conquistar para aquele sonho de ver a Ordem funcionando, de não deixar nossa entidade esmorecer".

O ex-presidente da OABRJ Wadih Damous, que esteve à frente da entidade nos dois mandatos dos quais Fisher fez parte da diretoria (como tesoureiro e, posteriormente, vice-presidente), também falou sobre o amigo: “Minha trajetória nesta casa se deve muito ao Sergio Fisher. Na época da nossa candidatura havia muita desconfiança em relação a nós e ele não só acreditou como nos amparou e foi uma força em todos os percalços sérios que enfrentamos aqui”.

O conselheiro federal pela Seccional Luiz Antônio Bichara e o ex-presidente da OAB Nacional Marcus Vinicius Furtado Coêlho também discursaram.