Formulário de busca

03/08/2018 - 21:04

Cartas do mês

 Juizados
“Muito intrigante o fato ocorrido no IV JEC. O advogado que protestou contra o procedimento adotado pelo referido juizado bem como a juíza daquela serventia foram ouvidos. Contudo, continuamos sem saber se é correta, ética, a conduta adotada pelo IV JEC. Ou seja, é permitido manter logomarcas de empresas contra as quais muitas demandas são distribuídas? Afinal, quando lemos ‘O mundo é dos NETs’, isso nada mais é que uma divulgação da marca; propaganda de um serviço, tal como veiculada na mídia.  Particularmente, acho um absurdo esse tipo de divulgação dentro da serventia, em que pese o esclarecimento da magistrada defendendo o chamado ‘Expressinho’ para atendimento aos consumidores. Qual a posição da OAB/RJ diante disso?”
 
Michele Avelino (OAB/RJ 142.251)

N. da R: A Procuradoria da OAB/RJ já está estudando as medidas cabíveis.

“Oportuna e excelente a matéria Cartórios travam Justiça Estadual (Tribuna do Advogado nº 513), com os colegas Álvaro Pessoa e Pedro Afonso Mendonça de Lima identificando e expondo as mazelas que sobram nos cartórios de nossa já tão mal afamada Justiça.
 
Apresento desde logo o respeito aos colegas que, no auge de suas carreiras, tiveram a coragem de denunciar estas mazelas, tocando a ferida sem pejo. Parabenizo também a TRIBUNA, que publicou a matéria que, certamente, será aplaudida por todos os colegas que militam naquela Justiça, passando pelas mesmas aflições descritas e outras tantas que só o dia a dia pode ilustrar.
 
É assim que queremos da Ordem, e sua TRIBUNA é o veículo, a voz combativa pelos advogados. Saudações”.
 
Marcia R N Dantas (OAB/RJ 79.727)

"Poucas vezes li nesse nosso órgão de comunicação matéria tão pertinente e tão tempestiva, bem assim entrevistas tão lúcidas, quanto à veiculada na página 7 da edição de março de 2012. Congratulo-me com os advogados Pedro Mendonça Lima e Álvaro Pessoa, pedindo venia para subscrever suas opiniões".
 
Jorge Carrano (OAB/RJ 96.327)
 
 Anuidade
“Na última semana — não sei precisar o dia — enviei uma mensagem criticando a impossibilidade de, após determinada data, ser inviável realizar o parcelamento da anuidade. Para minha surpresa, não só obtive resposta no mesmo dia, como, também, foi oportunizado aos advogados a concessão de novo prazo para requerimento do parcelamento. Gostaria de parabenizar a OAB/RJ pela presteza na resposta à minha solicitação e, principalmente, por encontrar uma solução para o problema”.
 
Rodrigo Lucas da Silva Pereira da Gama Alves (OAB/RJ 147.471)

“Venho por este canal elogiar o excelente esforço da OAB/RJ em auxiliar os advogados na presente gestão. E a forma escolhida pela Ordem ao parcelar a anuidade, de maneira que torna viável o pagamento da anuidade por advogados que estão iniciando a carreira. Parabéns à gestão atual da OAB/RJ, que é transparente e que está sempre auxiliando os advogados que dela necessitam. Parabéns, presidente Wadih Damous, pelo excelente trabalho na Seccional”.
 
Bernadete Bezerra de Azevedo (OAB/RJ 160.665)

 Entrevista
“Gostaria de parabenizar o juiz Rubens Casara por sua visão que mostra profundo comprometimento com os deveres de sua função. A visão (a meu ver corretíssima) de que o jurisdicionado é, na verdade, o destinatário final de direitos e deveres deve ser louvada. Ainda mais atualmente, quando infelizmente vemos no exercício da advocacia cada vez mais posições não muito constitucionais de alguns membros do Ministério Público e da magistratura. Importante ressaltar que, apesar de parecer menor, a simbologia tem o poder de encaixar-se subliminarmente em nossas mentes.
 
As garantias constitucionais nunca devem ser mitigadas seja por qualquer motivo, que não uma nova Constituinte originária.  Sob pena da desconstituição do Estado Democrático de Direito, pedra angular da democracia.
 
Parabéns, ainda, à TRIBUNA DO ADVOGADO por dar imagem e voz a Rubens Casara. Esperemos que nossa recém-saída da adolescência, a democracia, ganhe cada vez mais altivez no decorrer de sua história. Quem dera a maioria dos membros do Judiciário tivesse a mesma visão.
Encarar o advogado como óbice à persecução criminal estatal é, em última instância, rechaçar a democracia, pois sem advogados, Ministério Público ou magistrados, não há Justiça, tampouco democracia”.
 
Eduardo Pereira Gonçalves Jr. (OAB/RJ 165.881)

 Plano odontológico
"Registro a minha satisfação com o plano dentário fornecido por esta instituição. Estou fazendo um tratamento dentário junto a uma das clinicas credenciadas (Classident) no Recreio e muito satisfeita. Parabéns por mais este serviço prestado a todos os advogados do Rio".
 
Sueli Melo (OAB/RJ 70.386)
 
 Certificação
“Parabenizo a OAB/RJ por disponibizar no site as aulas sobre certificado digital. Será de imensa ajuda para nossa classe. No dia eu não pude assistir, mas agora poderei ver com calma e muita atenção. Obrigada”.
 
Adriana Souza de Almeida (OAB/RJ 90.530)