Formulário de busca

16/05/2018 - 14:07

Na militância do dia a dia, é importante contar com um espaço maior e mais bem equipado?

Um espaço mais amplo e muito bem preparado para suprir as demandas dos colegas será inaugurado em junho, a 300 metros do Tribunal de Justiça, ocupando o 11º andar do Centro Cândido Mendes, na Rua da Assembleia, 10. Este é o novo endereço da Casa do Advogado Celso Fontenelle, que passará a se chamar Casa das Prerrogativas. Os números são superlativos – 1.800m² ocupados por uma centena de computadores para peticionamento, 33 escritórios compartilhados, auditório para 80 pessoas, núcleo da escola de inclusão digital, refeitório e espaço de convivência, além do atendimento da própria Comissão de Prerrogativas. Após noticiar a novidade, a TRIBUNA foi perguntar a opinião dos colegas.

“A casa atual já oferece um atendimento bastante razoável, tem também a sala no 4º andar do Fórum. Mas, claro, se puderem ter um espaço maior os advogados terão melhores condições de apoio”
Jamir Correa, advogado
 
“Realmente um espaço maior ajuda no dia a dia. Uso com frequência a Casa Celso Fontenelle, gosto do atendimento, mas a tendência é aumentar a demanda, o que geralmente aumenta o tempo de espera para utilização dos benefícios”
Enock Vieira, advogado
 
“De fato, às vezes a Casa Celso Fontenelle tem ficado pequena para todo mundo. Mesmo para mim, que estudo aqui ao lado, acho que vai ser boa a mudança, não fica tão longe do Fórum”
Débora Pereira Natari, advogada
 
“Aqui na Casa Celso Fontenelle já não cabia todo mundo que precisa de atendimento. A mudança vai ser ótima, a Ordem precisa dar essa assistência ao advogado, é para isso que serve a entidade”
Oseas Duarte Novaes, advogado
 
“É uma medida muito importante. Não uso o escritório compartilhado, por exemplo, mas estou sempre utilizando o serviço de peticionamento eletrônico. O edifício para onde será transferida a Casa do Advogado não é muito distante, a mudança vai ser positiva”
Isaias Alves de Menezes, advogado
 
“Sem dúvida, o prédio da Assembleia, 10 é um edifício nobre, certamente vai atender melhor a nossa classe. A distância é de apenas uma quadra a mais, não é tão longe, creio que não irá atrapalhar”
Rafael Rodrigues Pereira, advogado
 
“O melhor sempre é você ter mais recursos, mesmo que o local de atendimento fique mais distante. Acredito que a possibilidade de a entidade oferecer mais serviços se sobrepõe à questão da distância nesse caso”
Ana Paula Soares, advogada