A diretora de Inclusão Digital e Inovação da OABRJ, Maria Luciana Pereira de Souza, recebeu para um bate-papo por chamada de vídeo a juíza titular da 1ª Vara de Família da Comarca de São João de Meriti, Raquel Chrispino, que promoveu, no fim de abril, a primeira audiência por videoconferência de uma Vara de Família do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJRJ).

A conversa das duas foi publicada nesta segunda-feira, dia 11, no canal da Seccional no YouTube, e integra a série de vídeos que os representantes da Ordem vêm promovendo convidando especialistas e nomes de destaque para tratar dos temas em voga no atual momento em que vivemos com a pandemia do novo coronavírus, como as restrições no funcionamento dos tribunais e a virtualização do modo de exercer a advocacia.

No início do papo, Maria Luciana observou que a adaptação à tecnologia é algo que afeta a todos e agradeceu a disponibilidade da magistrada, observando que há colegas, no momento, com ressalvas e até com medo da adoção desse modelo de audiências.

Chrispino, por sua vez, frisou que a interlocução com a Ordem é essencial, pois juízes e advogados dependem uns do trabalho dos outros. “Esse momento exige de nós uma dedicação na nossa comunicação para que possamos estabelecer trocas sobre os desafios das audiências por videoconferências e aplicá-las da melhor forma”. Segundo ela, o modelo adotado abre uma possibilidade para o Poder Judiciário.

Veja a entrevista completa acima e se inscreva no canal da OABRJ para não perder nenhum vídeo.